São Paulo (SP) – Capital do Estado de São Paulo

São Paulo (SP) – Capital do Estado de São Paulo

No dia 22 de janeiro do ano de 1532, teve início a colonização oficial (por Martim Afonso de Souza) da localidade que, hoje, conhecemos como São Paulo, com a fundação da mais antiga vila do Brasil: Vila de São Vicente. Em 1554, os jesuítas (dentre os quais estavam o padre José de Anchieta e Manoel da Nóbrega), depois de subir a serra, decidem construir um colégio onde, além de alfabetizar, também catequizariam índios, no alto de uma colina na região de Piratininga. A cidade de São Paulo cresceu ao redor do colégio.

A partir do século XVII, têm início as bandeiras (ou entradas) cujo objetivo era a captura de índios, a expansão territorial e, principalmente, a descoberta de ouro e pedras preciosas. No final deste século, os bandeirantes do estado de São Paulo encontram ouro nos arredores de São João Del Rei.

A independência do Brasil é proclamada por D. Pedro I, em solo paulistano, no dia 7 de setembro de 1822.

Em 1817, tem início o ciclo do café com a fundação da primeira fazenda no vale do rio Paraíba do Sul. A mão-de-obra utilizada na cafeicultura era a escrava. Esta atividade econômica fez surgir uma oligarquia rural e propiciou o enriquecimento de diversas cidades do vale do Paraíba do Sul, dentre elas: Lorena, Pindamonhangaba e Guaratinguetá. A fim de escoar os grãos de café do interior do estado para Santos, é criada, em1867, a São Paulo Railway (a primeira ferrovia paulista). Com a abolição da escravatura, em 1888, e o enriquecimento da região, começam a chegar os imigrantes (italianos, espanhóis, árabes, japoneses, etc.).

A partir de 1900 (e até 1970) uma empresa canadense chamada Light passa a administrar a geração de energia elétrica, fato que alavancou um grande desenvolvimento industrial e econômico. No início do século XX, a oligarquia cafeeira viveu seu apogeu, que foi interrompido pela Revolução de 1930(liderada pelo Rio Grande do Sul). As elites paulistas promovem a Revolução constitucionalista, em 1932 e, apesar de todo o dinheiro que possuíam, são derrotadas. Após a Revolução de 1930, o país passou por um período de instabilidade que favoreceu a implantação da ditadura de Getúlio Vargas. A ditadura do Presidente gaúcho terminou junto com a Segunda Guerra Mundial. Devido aos bons preços que o café atingiu durante a guerra, o estado de São Paulo se recuperou.

Em 1950, chega a indústria automobilística a São Paulo (ABC Paulista), como fruto do trabalho de Juscelino Kubitschek. Graças à falta de mão de obra, migrantes do nordeste brasileiro (Bahia, Pernambuco, Paraíba, etc.) vêm em grande número para São Paulo e passam a viver na periferia aumentando o tamanho da região metropolitana daquela cidade.

A partir da década de 60, São Paulo torna-se o principal pólo econômico e a maior cidade da América do Sul.

São Paulo é a capital do estado de São Paulo

É é o maior centro corporativo, mercantil e financeiro de toda América do Sul. É conhecida popularmente como “Sampa” e “Terra da Garoa”, é a cidade mais populosa de todo hemisfério sul, isso inclui a América do Sul e o Brasil, e a sétima mais populosa do planeta. O município é uma grande influência brasileira no cenário internacional, seja cultural, político ou economicamente.

A área onde viria a ser o território da cidade de São Paulo foi povoado pelos Jesuítas, doze padres estavam a frente da construção do colégio que foi o marco dessa povoação, entre eles José de Anchieta. O colégio jesuíta foi fundado em 25 de Janeiro do ano de 1554, dia de São Paulo, o que deu nome ao local. Por muito tempo São Paulo ficou escondida e isolada, até a ação dos bandeirantes na região em busca de pedras preciosas e escravos. Em 1709 foi criada a capitania de São Paulo, e em 1711 a Vila de São Paulo foi elevada à categoria de cidade.

O município de São Paulo está localizado junto à bacia hidrográfica do Tietê, é uma cidade com altitude média de 760 metros acima do nível do mar, e o seu ponto mais alto é o Pico do Jaraguá, com mais de 1130 metros. O clima da cidade é o Subtropical Úmido, com menos chuvas e temperaturas mais brandas no inverno e o verão com temperaturas mais altas, principalmente por conta da urbanização e poluição. São Paulo tem uma área de 1523 km² aproximadamente, sendo que possui a maior área urbana do país, quase dois terços de seu território. A estimativa de população da cidade é de 11,86 milhões de habitantes, com uma densidade demográfica de 7,8 mil hab/km².

Portadora do maior PIB entre os municípios brasileiros, São Paulo está entre os principais PIBs de todo o mundo. É um dos maiores centros financeiros de todo o mundo, sendo o maior do Brasil, sua economia que foi muito baseada na área industrial ganha bastante espaço também no setor terciário. A prestação de serviços e o comercio são as atividades que fazem São Paulo crescer cada dia mais. É sede da segunda maior Bolsa de Valores do Mundo em valores de mercado, a Bovespa.

O turismo também tem grande importância na economia, principalmente no turismo de negócios. Existem rede de hotéis, alugueis de carros e eventos para esse tipo de turismo. A São Paulo Fashion Week, um dos maiores eventos de moda do Brasil, também acontece na cidade e gera bastante público de outras regiões de dentro e fora do Brasil. O turismo cultural também é bem difundido, além de grande shows, eventos como a Bienal de Artes de São Paulo chamam bastante público. Há ainda um certo tipo de turismo em que as pessoas vão à cidade apenas para fazer compras, aproveitar a maior oferta de produtos e preços um pouco mais baratos.

Os eventos culturais e os grandes shows são apenas uma das faces culturais da cidade. São Paulo é muito grande e é um centro de cultura no Brasil, com os principais teatros e museus do país, além de sempre receber os espetáculos importantes do cenário das artes cênicas. Museus importantes como o Museu de Arte de São Paulo e o Museu da Língua Portuguesa também são presentes na cidade e tem uma grande credibilidade.

Show Buttons
Hide Buttons
Translate »